terça-feira, 13 de janeiro de 2015

A ENORME FAMÍLIA - OS BUNDE

A mulher de Johann Friedrich Gerber era ALBERTINE BUNDE, mãe de: Ferdinand, Helene, Carl, Adelhaide, Friedrich, Luise, Louis, Anna Emilie e Wilhelm, sobre quem acabamos de escrever.

A família Bunde é a maior e mais extensa de todas as famílias pesquisadas. Não consegui identificar por documentos qual o grau de parentesco entre os chefes de família que aqui chegaram, não consegui saber se eram irmãos ou primos. Mas, existiram laços de compadrio entre os diversos núcleos, uns foram padrinhos de outros em batismos ou casamentos.

Não vieram todos juntos, aos poucos a família se transferiu para o Brasil.

A primeira leva chegou em 1861 a bordo do navio Franklin, veja aqui, vieram:

1. Heinrich Ernest Christoph Bunde e sua mulher Friedrike geb. Behling e mais duas meninas.
2. Anna Bunde com 57 anos de idade, cujo parentesco com Heinrich não foi identificado. 

Oito anos depois, em 1869,  a bordo do navio Eletric, veja aquichegaram:

1.  Ferdinand Bunde com a mãe, a mulher Caroline geb. Lilye e seis filhos. 
2. Carl Bunde com a mulher Auguste e mais 6 crianças (1 delas filha de Ferdinand). 

HeinrichFerdinand e Carl vieram da mesma vila, Koseeger, no kreis Kolberg-körlin, na Pomerânia. A partir dos dados de desembarque pode-se concluir que:
Carl teria nascido aproximadamente no ano de 1822,
Heinrich Ernest aproximadamente no ano de 1823, e
Ferdinand aproximadamente no ano de 1825.

Esse mistério e também o grau de parentesco existente entre Heinrich, Anna, Ferdinand, Carl e Christian, só será resolvido a partir da disponibilização dos dados da Igreja Luterana de Koseeger. Porém (há sempre um porém) ...

... estão disponíveis para consulta no www.familysearch.org apenas os registros civis de Koseeger feitos a partir de 1874 (microfilmes 1538469 e 1538470) e nessa data os Bunde já estavam no Brasil. Os registros paroquiais anteriores a 1874 de grande parte das cidades do kreis Kolberg-Körlin foram perdidos durante a 2ª Grande Guerra. (Fonte: http://kolberg-koerlin.de/Allgemein.htm). Tampouco no arquivo evangélico central em Berlim (EZA) existe qualquer referência à Koseeger, veja aqui.

Alguns Bunde nascidos em Koseeger, procure aqui.




Nenhum comentário:

Postar um comentário